Vereador Ricardinho é expulso do posto médico de Gaibu

Vereador Ricardinho é expulso do posto médico de Gaibu

Durante visita ao Posto de Saúde de Gaibu, ontem( 24), o Vereador do Cabo, Ricardo Carneiro, conhecido como Ricardinho (PPS) foi “convidado” pela coordenadora da unidade a se retirar do local.

Ela alegou cumprir ordens da secretária de Saúde do município, AdelaideCabral.

Vereador

Desde a sexta-feira, 16, Ricardinho visita os postos do Programa Saúde da Família (PSF), com a finalidade de verificar as condições atuais das unidades, já que a saúde no município tem sido uma das maiores reclamações da população. O cenário observado é preocupante: faltam médicos, enfermeiros, medicamentos, material de limpeza, até mesmo placa de identificação do posto. “Imaginava que a situação da saúde no Cabo estava muito ruim, mas não imaginei que o quadro  estivesse assim”, diz Ricardinho.

Com relação à proibição de entrar nos postos de saúde do município, Ricardinho é taxativo. “Não irei me intimidar. Segunda-feira (26) estarei visitando mais um posto do PSF. Se o prefeito Lula Cabral acha que com sua arrogância e autoritarismo vai me intimidar está muito enganado. Fui eleito com a missão de fiscalizar as ações do prefeito e é isto que estou fazendo. Vou até o fim”, completa.

Ricardinho já se reuniu com sua equipe jurídica e vai entrar com uma queixa junto ao Ministério Público e um mandado de segurança para ter garantido o direito de entrar nos postos de saúde e escolas do município. “Estamos registrando tudo e vamos fazer um relatório com o diagnóstico real da saúde e educação no Município e não essa farsa apresentada pelo prefeito Lula Cabral”, completa Ricardinho, que exerce o seu primeiro mandato de vereador.

Já No Posto Alto dos Índios, no distrito de Ponte dos Carvalhos.

Ricardinho — disse ter ficado “estarrecido” com as cenas de “descaso” nas instalações físicas do Posto

Já sabia do caos e abandono que passa alguns postos de saúde do município, mas não esperava ver as cenas de horror, de profunda calamidade no posto do Alto dos Índios”, relata o vereador, único parlamentar dos 12 na Câmara de Vereadores do Cabo, da ala da oposição.

“É desolador e desumano como o poder público tem tratado a saúde em Ponte dos Carvalhos. O abandono é tão grande que até a placa de identificação na fachada do posto ainda tem a marca da gestão passada. Normalmente, cada governo costuma estampar as marcas de suas gestões”, criticou Ricardinho.

Mesmo estando em período de recesso na Câmara — os trabalhos serão iniciados em 3 de fevereiro — Ricardinho tem feito várias visitas às comunidades, de acordo com sua assessoria, e na manhã desta sexta, 16, foi até ao posto Alto dos Índios. “Se já não bastasse a precariedade da parte física, o que vi e senti foi o clamor dos moradores que estão órfãos de um atendimento mais digno”.

Os comentários estão desativados.

%d blogueiros gostam disto: