Galo da Madrugada Vira Patrimônio Cultural e Imaterial de Pernambuco

Galo da Madrugada Vira Patrimônio Cultural e Imaterial de Pernambuco
galo-da-madrugada2

É uma homenagem merecida ao maior bloco carnavalesco do mundo”. Esse foi o resumo do governador Eduardo Campos ao sancionar o Projeto de Lei 928/2009, que declara o Galo da Madrugada como Patrimônio Cultural e Imaterial de Pernambuco. A solenidade aconteceu no Palácio do Campo das Princesas, com a presença do prefeito João da Costa, do presidente da Assembléia, Guilherme Uchôa, do presidente do Galo, Rômulo Menezes, e do deputado Estadual Alberto Feitosa, autor do projeto.

galo-da-madrugada
“O Galo da Madrugada já tem o reconhecimento do folião pernambucano e brasileiro e agora passa a ter o reconhecimento jurídico como um Patrimônio Imaterial da nossa cultura”, disse o governador.

Sobre os desdobramentos dessa lei, Eduardo Campos explicou que “esse é um instrumento que protege a memória desta grande expressão de nossa cultura. Garante também um fomento, um apoio continuado fora da época do carnaval às iniciativas do Galo ter seu museu, preservando as memórias dos outros carnavais. É importante ter um espaço para os que nos visitam fora da época do carnaval ver como é o bloco”, explicou.

Eduardo Campos estendeu o reconhecimento do Galo da Madrugada como Patrimônio Cultural e Imaterial de Pernambuco à “força criadora de nosso povo”, e à memória do carnavalesco Enéas Freire. “Esse é um ato de homenagem também a Enéas, que ajudou a construir o Galo. Nesses 31 anos, esse bloco marcou a retomada do carnaval de rua. Ele nasceu do desejo de carnavalescos, de artistas que não se conformavam de ver uma cidade com a força cultural que tem o Recife só ter carnaval de clubes, para as pessoas que podiam pagar ou eram sócios”, afirmou.

Para o prefeito João da Costa, o Galo é “maior expressão do carnaval de Pernambuco. A partir desse bloco houve a revitalização do carnaval recifense. Nada mais justo esse reconhecimento ao Galo, que sempre defendeu a tradição do frevo”, concluiu Costa. A prefeitura estima para este ano que mais de 1,5 milhão de pessoas sigam o Galo, que entre outros, terá o Maestro Spok, e a presença de Alceu Valença e Antonio Carlos Nóbrega como convidados do trio da Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe).

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: