Se correr o dinheiro entra se não trabalhar o Prefeito come

Se correr o dinheiro entra se não trabalhar o Prefeito come

Em off funcionários da secretaria de obras do município diz que o Prefeito vai fazer valer os termos de contratos com empresas contratadas para diversas obras no Município

Esta semana as obras em Garapu e diversas localidades do Município estão em ritmo acelerado, pois á ordem dura do Prefeito, pois em tempo de crise quem não trabalhar cai fora, pois o bicho esta pegando e quem não cumprir os contratos á prefeitura fará valer as multas contratuais, pois não á mais o que reclamar as empresas estiveram muito tempo para se adequar as condições do município e agora não á mais desculpa afirma a fonte

Portal Cabo imag0698imag0701

Fomos ver bem de perto as obras da Cidade Garapu esta á todo Vapor deste de á construção da escola modelo de Garapu que já esta no segundo Pavimento as obras da avenida Principal que falta pouco para ser pavimentada uma de sua via locais

Quero salientar aqui que o Melhor Caminho para todos os problemas é o Dialogo se á Prefeitura e as empresas contratadas tivesse dialogado com á comunidade todos os transtornos teriam sido amenizados, pois nada melhor do que pedir licença para entrar em uma casa

Anúncios
Comments
One Response to “Se correr o dinheiro entra se não trabalhar o Prefeito come”
  1. Não me canso de dizer, temos um grande perfeito, o que falta é dialogo, como Lula pouco parece, e em vez dele vem gente mais interessada em se autopromover o bicho pega.
    E não adianta o prefeito é Lula se um secretario erra, foi Lula que errou, até mesmo pela escolha.
    Alguem acha mesmo que Lula sabe de todas as mazelas?
    Só quando a coisa já extrapola e não da mais para colocar panos quentes ai chega ao conhecimento dele como realmente esta.
    Lula é um otimo administrador se estivesse realmente bem assessorado o Cabo seria outro.
    Pois a melhoria de vida do povo esta bem acima de algumas coisas que poderiamos chamar de superfluas ou por falta de debates com a comunidade se tornam dores de cabeça.
    Agora que o dinheiro escasseou, ele verá onde estão os erros.
    Obra que não anda
    Pequenos serviços que não são feitos e com o tempo se tornam bem maiores.
    Prejuízos causados pela incapacidade de alguns servidores etc etc.
    As vezes, devido a necessidade aprendemos a fazer ótimos pratos com sardinha em lata.
    .

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: