Empresas do Cabo suspeitas de envolvimento em irregularidades na emissão de notas fiscais

Empresas do Cabo suspeitas de envolvimento em irregularidades na emissão de notas fiscais

Duas empresas sediadas no Cabo de Santo Agostinho foram mencionadas em reportagem do Jornal do Comércio desta quinta-feira, 26, que versa sobre irregularidades na emissão de notas fiscais. Segundo reportagem, a MR Produções e Eventos teria recebido a segunda maior fatia de recursos (R$ 621 mil) e a Yavé Shamá, a terceira (R$ 374 mil) referentes a serviços de produção dos festejos natalinos patrocinados pelo Governo do Estado.

notas-fiscais

“Outro dado que chama a atenção é o fato de duas empresas, sediadas no Cabo de Santo Agostinho, terem sido contratadas para um evento de grande porte com menos de um mês de fundadas. As duas foram coincidentemente fundadas na mesma data, 5 de dezembro de 2008?, cita reportagem.

Outro dado que chama atenção é o fato é as Duas empresas suspeitas de envolvimento no esquema de superfaturamento são sediadas no Cabo de Santo Agostinho, a Yavé Shamá fica na Rua Visconde do Livramento, 42, sala 02, já a MR Produções fica na mesma rua no número 46. Nossa equipe visitou o local e descobriu que a Yavé Shamá nunca funcionou no local. A grande surpresa é que neste endereço fica sediado o Escritório de contabilidade Ferreira Associados, que pertence à contadora Rosinha, Mulher do Deputado Everaldo Cabral. Muito Estranho!!!

Contabilidade

Veja abaixo a reprodução de matéria

Oposição pede análise grafotécnica de notas

Publicado em 26.11.2009 – Jornal do Comércio

Bancada suspeita que uma mesma pessoa possa ter preenchido empenhos de notas fiscais diferentes, indicando a inidoneidade dos documentos. Das nove empresas envolvidas, apenas uma rebateu acusações

A bancada de oposição ao governo do Estado solicitou a um perito uma análise grafotécnica em todas as notas fiscais envolvidas no pagamento dos shows dos convênios Festejos Natalinos 2008 e Verão Pernambuco 2008. Entre as suspeitas do grupo, destaca-se a possibilidade de uma mesma pessoa ter preenchido empenhos de empresas diferentes, o que indicaria a inidoneidade dos documentos (confira o quadro). “Há semelhanças no preenchimento das notas”, afirma Terezinha Nunes (PSDB). As assessorias técnicas dos parlamentares também já levantaram um relatório de informações que sugerem a fraude.

Como o prazo para a finalização da análise é de dez dias e a perícia foi iniciada semana passada, o resultado deve ser divulgado até a próxima semana. Nas notas destacadas ao lado, das produtoras Walter Shows e Yavé Shamá, várias coincidências. Além da disposição gráfica dos documentos serem a mesma, cada um dos documentos discrimina a realização de três shows com preços idênticos – R$ 90 mil, R$ 80 mil e R$ 17 mil. O montante de R$ 187 mil registrados no valor final de ambas as notas é escrito de maneira, no mínimo, coincidente.

Para promover os dois convênios, a Empetur gastou R$ 6,875 milhões: R$ 5,7 milhões repassados pelo Ministério do Turismo e R$ 1,175 milhão dos cofres estaduais. Nove empresas ficaram responsáveis pela produção e organização dos eventos. Mas apenas uma delas se insurgiu ontem contra as acusações dos deputados de oposição. A Una BR Produções Ltda, que pelos dados preliminares da própria Empetur recebeu R$ 235 mil para produzir seis shows, divulgou nota rebatendo as declarações da deputada estadual Terezinha Nunes (PSDB) de que a empresa funcionaria em endereço fantasma. Nada disse, porém, sobre os supostos superfaturamentos.

A empresa, com sede em Moreno, informa que mantém na cidade apenas um escritório virtual, “uma atividade moderna, regular e legal”. Suas atividades são desenvolvidas no bairro da Boa Vista, no Recife. E se coloca à disposição para esclarecimento a qualquer órgão fiscalizador.

Sobre as demais empresas contratadas pela Empetur permanece o mistério. O JC não conseguiu localizar os responsáveis por elas. Algumas empresas, inclusive, não têm como atividade principal produção ou organização de eventos, segundo o site da Receita Federal. A que recebeu entre toda a maior fatia de recursos foi a Walter Shows, com endereço em Boa Viagem:SABEM QUEM TEM RESIDENCIA BEM PERTO DO END DA MESMA ? R$ 1,142 milhão. Na Receita, consta como atividade econômica principal “comércio varejista de discos, CDs, DVDs e fitas”, como secundária há “organização de feiras, congressos, exposições e festas”.

Outro dado que chama a atenção é o fato de duas empresas, sediadas no Cabo de Santo Agostinho, terem sido contratadas para um evento de grande porte com menos de um mês de fundadas. A MR Produções e Eventos recebeu a segunda maior fatia de recursos (R$ 621 mil) e a Yavé Shamá, a terceira (R$ 374 mil). As duas foram coincidentemente fundadas na mesma data, 5 de dezembro de 2008. Segundo a Empetur, elas produziram os festejos natalinos em 27 de dezembro de 2008 nas cidades de Condado, Itambé, Capoeiras e Araripina.

Além disso, as duas empresas não têm promoção de eventos entre suas atividades econômicas. A Yavé Shamá trabalha com comércio de equipamentos de informática, segundo a Receita. Entre as atividades secundárias estão comércio de CDs, DVDs e fitas, filmagem e aluguel de palcos. A MR trabalha com comércio de CDs, DVDs, discos e fitas, e sua atividade secundária é produção musical e aluguel de palcos.

Comments
One Response to “Empresas do Cabo suspeitas de envolvimento em irregularidades na emissão de notas fiscais”
  1. CHICO DA CHARNECA. disse:

    DA ATE RIMA

    Cabo de santo Agostinho, o município do encantado aqui tudo acontece e ninguém é culpado,

    Caros amigos, não extraem se vocês encontrarem por ai um duende, branca de neve, os sete anões, os irmãos metralhas,
    Oh desculpe-me, OS IRMAOS METRALHAS, quem ainda não vil, pelo menos falarem neles.

    viva o MDC

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: