Uma mulher além dos seus sonhos

Uma mulher além dos seus sonhos

Especial dia da Mulher

Judite tinha enorme desejo de estudar e ser professora. Conseguiu o que queria e ainda foi mais além: assumiu a Prefeitura de Lagoa do Carro, na Mata Sul
Por: Josué Nogueira  josuenogueira.pe@dabr.com.br

Judite Botafogo (PSDB) surpreende no primeiro minuto de conversa. Eloquente, posiciona-se com uma clareza que impressiona. Talvez resultado de anos no comando de salas de aulas e outros muitos nos bancos universitários. Formada em Letras, tem duas especializações em Língua Portuguesa, mestrado em Teoria Literária e atualmente conclui tese de doutorado na mesma área na UFPE.

Apaixonada pelo acordeon, Judite dedica seus trabalhos acadêmicos aos temas ligados à música.

Foto: Helder Tavares/DP/D.A Press
Desde cedo, a menina de engenho foi atrás do conhecimento. “Andava todo dia mais de uma hora do engenho Canadá até Lagoa do Carro para estudar. Naquela época, não tinha transporte escolar. Na verdade, tinha desejo de estudar, de ser professora”, ressalta. Foi muito além. Em 2008, foi eleita prefeita do município que ajudara a emancipar em 1991. “Não tinha sonhos políticos. Vivendo num ambiente agrário como engenho, não se tem muita participação social. Mas quando passei a dirigir a escola onde estudei, o Jorge Camelo, lutei pelo plebiscito de emancipação”.

Em 1996, ela chegou a se candidatar, mas, à frente nas pesquisas, teve a candidatura impugnada. “Era secretária de educação e fui convocada a concorrer. Mas era inexperiente. Opositores rasuraram um documento assinado por mim e me impugnaram a 28 dias da eleição”. Com o impedimento, o irmão Manuel Botafogo, pedreiro que nem mesmo ia a comício, foi levado a susbtituí-la. Deu no que deu. Foi eleito, reeleito e hoje está no segundo mandato em Carpina, cidade da qual Lagoa era distrito.

Ao avaliar sua trajetória, ela destaca que o fato de ter sido professora por 30 anos lhe permitiu construir liderança baseada na confiança. “Toda essa moçada passou pelas minhas mãos. Fui professora primária, de ginásio, ensino médio, diretora de escola, secretária de Educação. Tenho uma história de vida. Não precisava dizer às pessoas quem sou”, diz a prefeita, mãe de três filhos, todos com curso superior.

Em seus trabalhos acadêmicos, Judite pesquisa, invariavelmente, sobre temas ligados à música. Revela uma ligação forte, iniciada aos 11 quando aprendeu a tocar acordeon, ainda no engenho. Hoje, exímia sanfoneira, além de tocar na Assembleia de Deus da qual é membro, rege o coral da congregação. Sempre à frente, sempre liderando.

Judite Maria Botafogo Santana da Silva, Professora Universitária, da rede Pública e Privada. Já exerceu várias funções públicas como Secretária de Educação, Secretária de Governo, Secretária de Ação Social, Gerente Regional de Educação da Mata Norte, prestou Assessoria Técnica Pedagógica a vários municípios da Mata Norte. É graduada em Letras, Especialista em Língua Portuguesa, e em Literatura de Expressão Portuguesa, Mestrada em Teoria Literária e Doutorada em Teoria da Literatura. É escritora com várias obras publicada na linha de estudos culturais; palestrante e conferencista com atuação em diversos temas voltados para Cultura e Educação; é membro da Academia de Artes, Cultura e Tecnologia da Mata Norte e atualmente exerce a função executiva como Prefeita no Município de Lagoa do Carro. Sendo a 1ª prefeita negra eleita no Estado de Pernambuco, dos 184 novos  prefeitos de Pernambuco, 17 são mulheres (9,23% do total) e apenas uma é negra.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: