Prefeitura do Cabo induz compra casada entre comercio local e servidores Municipais

Prefeitura do Cabo induz compra casada entre

comercio local e servidores Municipais


Certa feita, em um reino não “tão” “tão” distante, o Rei vendo as suas arrecadações em baixa, resolveu por meio de um decreto, que todos os moradores deste reino, deveriam comprar uma relíquia para colocar em suas casas e aqueles que não tivessem, levariam em praça publica 10 chibatadas, estas relíquia da qual era produzida no próprio reino, eram feitas de areia de praia, com um corante especial, onde o corante fazia uma espécie de liga dando forma a vários desenhos, mas com o passar de uma semana a cor desbotava e tudo virava areia, fazendo com que os Plebeus tornassem a comprar toda semana uma nova relíquia. Só assim teve seu reino agraciado com novas moedas de ouro.

Hoje esta pratica antiga não se aplica mais, agora ela e excitada através de um simples cartão de compra ou de credito.

Hoje saiu a matéria sobre o (Cartão Accredito) Veja que tem dois (C)

O que me fez a pensar nesta parceria entre a Prefeitura do Cabo e a (ACEC) Associação Comercial e Empresarial do Cabo

Bom cabe agora alguns questionamentos.

1– Como será dado o direito a inclusão das empresas cadastrada para esta revenda, quais os critérios para este cadastro, elas terão que se associar a ACEC gerando assim um novo custo para sua empresa, pois as mesma terão que pagar uma taxa para se associarem.

2– Será a ACEC que irá administrar os pagamentos gerado nestes estabelecimentos Comerciais, ou será a própria Prefeitura que fará este pagamentos.

3– Sabemos que ninguém trabalha de graça, qual será a taxa de administração cobrada por quem ficara com os encargos administrativos.

4– Se os pagamentos for gerado pela Prefeitura qual a secretaria que cuidará destes novos serviços serão contratados novos funcionários para administrar 5000  servidores cadastrado.

5– Os repassem dos valores de Compra efetuados pelos servidores estarão garantidos por um projeto de lei ou isto é uma pratica legal de qualquer Prefeitura da Federação.

Se as considerações e questionamentos forem respondidos com transparência o Cartão será benéfico, poderá fomentar o comercio local, agora se não for, caberá agora aos Paladinos da Promotoria analisar mais esta Parceria.


Comments
5 Responses to “Prefeitura do Cabo induz compra casada entre comercio local e servidores Municipais”
  1. CHICO DA CHARNECA disse:

    LOGO LOGO ESTA VOLTANDO OS TEMPOS DOS SENHORES DE ENGENHOS,
    PRIMEIRO AS CHIBATADAS NOS SALÁRIOS DOS SERVIDORES
    SAÚDE, EDUCAÇÃO, E GUARDA MUNICIPAL, NO PLANTÃO O GM GANHA 30 SE FALTAR PERDE 60, PAREÇE PIADA MAIS É VERDADE,
    AGORA RECEBE VALE EM FORMA DE CARTÃO,
    E VAI TER QUE COMPRAR NO BARRAÇÃO,
    SÓ ESTAR FALTANDO AGORA OS CARROS DE BOI, E OS JUMENTOS SEM HUMILHAR, O GESTOR PENSA QUE O JUMENTO É O POVO.

  2. JOSÉ RICARDO PAES DE ANDRADADE disse:

    GENTE, FIQUEI CURIOSO E PROCUREI MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O CARTÃO E FUI ATÉ O SITE DA ACEC (www.aceccabo.com.br).

    SÓ ACHEI PEQUENA A REDE CREDENCIADA, MAS ACREDITO QUE NO DECORRER DO TEMPO OUTRAS EMPRESAS VENHAM A PARTICIPAR E NA MINHA VISÃO O COMPLICADOR MAIOR É O PAGAMENTO DO CARTÃO QUE SERÁ DESCONTADO EM FOLHA DE PAGAMENTO PELA PREFEITURA, MAS ISTO É UMA QUESTÃO JURÍDICA QUE NÃO ESTÁ AO MEU ALCANCE.

    À TODOS OS FUNCIONÁRIOS, BOAS COMPRAS, MAS COM MODERAÇÃO.

    ACEC é a primeira do Nordeste a oferecer ACCREDITO / 23/11/2009

    O ACCredito foi criado com o objetivo de fomentar o consumo local e conta com dois tipos de serviços: o Convênio – que permite aos funcionários de empresas associadas à aquisição de produtos na rede conveniada – e o Alimentação – aquisição de alimentos in-natura na rede conveniada. Inicialmente, o Cabo de Santo Agostinho receberá o ACCredito-Convênio, que será aceito em uma rede previamente credenciada pela Associação Comercial.
    De acordo com o convênio, o cartão permitirá que o servidor municipal utilize até 40% do seu salário para realizar compras em estabelecimentos como farmácias, supermercados, revendedoras de gás de cozinha, papelarias entre outros relacionados a itens de primeira necessidade. Estes estabelecimentos farão parte de uma rede credenciada, que já vem sendo formada pelo departamento comercial da ACEC.
    Nesta segunda (23)Giovane Guerra do cartão ACCREDITO, fez a apresentação da funcionabilidade do cartão para representantes da ACEC e Prefeitura Municipal do Cabo, a próximo etapa será o credenciamento dos estabelecimentos comerciais e adesão dos servidores municipais que no Cabo gira em torno de cinco mil funcionários.

    Cartões ACCredito começam a circular na cidade no início de abril / 30/3/2010

    A Associação Comercial e Empresarial (ACEC) e a Prefeitura do Cabo de Santo Agostinho disponibilizam aos servidores municipais a aquisição de um novo cartão de compras para utilização em nosso município, sem pagamento de anuidade ou qualquer taxa de manutenção. O cartão ACCredito está sendo distribuído gratuitamente aos servidores da Prefeitura do Cabo e beneficiários da CaboPrev, podendo ser utilizado de imediato nas lojas já credenciadas. Os valores serão descontados diretamente em sua folha de pagamento.

    O ACCREDITO é o cartão de compras do comércio cabense. Adquira agora mesmo o seu.

    RELAÇÃO DAS LOJAS CREDENCIADAS NO CARTÃO ACCREDITO.
    1. Supermercados Arco Íris – Loja Cabo – Centro.
    2. Supermercados Arco Íris – Loja Torrinha.
    3. Supermercados Arco Íris – Loja Cohab.
    4. Supermercados Arco Íris – Loja Gaibú.
    5. Supermercados Arco Íris – Loja Pontezinha.
    6. Supermercados Arco Íris – Loja Prazeres.
    7. Farmácia União – Loja Cabo – Centro
    8. Farmácia União – Loja Ponte dos Carvalhos.
    9. Farmácia União – Loja Ipojuca.
    10. Farmácia União – Loja Prazeres.
    11. RedeMed – Loja Cabo – Centro.
    12. O Boticário – Loja Cabo – Centro.
    13. Marli Centro de Beleza. Cabo – Centro.
    14. Royal Print – Cabo – Centro.
    15. Ideal Modas – Loja Cabo – Centro
    16. Posto Petro Cabo – PE 060 (Posto das Meninas).
    17. Farmácia Santa Rosa – Cohab.
    18. Farmácia Santa Rosa – Loja Cabo – Centro
    19. Farmácia Nova Vida – Loja Cabo – Centro.
    20. Farmácio do Homem Trabalhado – Centro
    21. Armazém Araújo – Cabo

  3. Heraldo Ferraz Cavalcanti disse:

    PARABENS GUILHERME, PARABENS PREFEITO!

    Estar de parabens os associados (empresários e comerciantes) da Acec e os servidores da Prefeitura Municipal do Cabo de Santo Agostinho.
    Como ex-presidente da Acec no passado, ao lado do meu amigo Vado, sabemos o que representa este tipo de acordo para as entidades não governamentais e a alta contribuição nas vendas, ao alavancar, o desemvolvimento da nossa cidade.
    Também temos lutado muito pelo Conselho Social dos Moradores de Pontezinha, principalmente para os associados em dias com a entidade. Entre alguns beneficios apresentados hoje, estamos fechando com as casas Elektra e o Banco Azteca. O procedimento será quase o mesmo da Acec, estamos dando nosso espaço fisico (temporariamente) em troca de 10 à 15% (porcentos) das compras feitas pelos nossos associados através das carteirinhas. E no futuro, não tão distante, estaremos convidando outros empresários e comerciantes a fazer o mesmo.

  4. Estamos vivenciando um momento único na história do estado e do município.
    Exemplos estão sendo dados por comerciantes e industriais de visão em todos os locais.
    O progresso bate à porta de todos mais, se não for aberta este progresso técnico e financeiro passará ante as portas de muitos deles sem serem notadas ou simplesmente passará sem bater.
    O empresariado não tem hoje compromisso apenas com seu patrimônio ou ele repassa parte desse sucesso aos que lhe cercam ou afundará.
    A ACEC, entidade reconhecida por seu comprometimento com a cidade e seus cidadãos, tem que abrir as estradas para que no caminho do desenvolvimento não esbarre ou sofra por obstáculos que poderiam ter sido superados facilmente.
    Pontezinha está repleta de mão de obra jovem (maioria não qualificada).
    O Presidente do Conselho Social dos Moradores de Pontezinha sempre procurou abrir estes caminhos, (ou não entenderam ou colocaram os objetivos políticos partidários à frente.
    O Conselho tem a guarda de uma área enorme dentro de Pontezinha porque não seguir o exemplo de muitos empresários e comerciantes que estão investindo na qualificação da mão de obra específica em sua área?
    Não haverá tempo apenas o poder público não terá condições de prover à tempo as bases para esta qualificação então porque não unirem-se ACEC seus associados e o Conselho e transformar toda aquela área em um centro de qualificação, para o comercio e a industria?
    O investimento sem dúvida terá contrapartida dos governos municipais, estaduais e federal, quinhentos reais gastos hoje poderá significar lucro incalculável amanhã.
    A falta da (MO) qualificada freará o progresso esperado, é hora de se sentarem à mesa.
    Um acordo bem formalizado entre ACEC, CONSELHO SOCIAL DOS MORADORS DE PONTEZINHA, governo municipal estadual e federal transformará, abrirá caminhos para os jovens ao mesmo tempo que capacitará profissionais em todas as áreas. Colaboradores de formação dirigida para cada setor.
    Pensem bem!
    Deixar todo aquele espaço à mercê de vândalos e da destruição do tempo é inaceitável!

Trackbacks
Check out what others are saying...
  1. […] This post was mentioned on Twitter by Portal Cabo. Portal Cabo said: Prefeitura do Cabo induz compra casada entre comercio local e servidores Municipais http://bit.ly/bsgmOq […]



Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: