Deve chover até 70 mm nas próximas 12 horas no estado

Deve chover até 70 mm nas próximas 12 horas no estado
Começa em instantes a reunião convocada pelo governador Eduardo Campos para anunciar medidas emergenciais para combater os transtornos causados pela chuva em Pernambuco Imagem: Ana Cláudia Dolores/DP/D.A Press
Imagem: Ana Cláudia Dolores/DP/D.A Press


Deve continuar chovendo forte em todo o estado pelo menos até este sábado. A previsão, segundo o Lamepe, é de que as precipitações alcancem 70 mm nas próximas 12 horas. Os dados estão sendo repassados ao governador Eduardo Campos e toda a equipe de áreas estratégicas do governo numa reunião emergencial que acontece na noite desta quinta-feira, no Palácio do Campo das Princesas.

A reunião foi convocada pelo governador para anunciar medidas emergenciais para combater os transtornos causados pela chuva em Pernambuco. Estão presentes os prefeitos do Recife, João da Costa, de Jaboatão dos Guararapes, Elias Gomes, de Olinda, Renildo Calheiros, e do Cabo de Santo Agostinho, Lula Cabral. Também participam representantes do Corpo de Bombeiros, Coordenadoria de Defesa Civil de Pernambuco (Codecipe), Polícias Militar e Científica, da Secretaria de Recursos Hídricos, o secretário de ressocialização, Humberto Viana, e o chefe da polícia civil, Manoel Carneiro.

De acordo com o Lamepe, já choveu 110 mm hoje, superando a média registrada diária de 90 mm registrada desde o último domingo, quando o tempo começou a piorar no estado. Essa precipitação pode alcançar 20 mm em até três horas. Os pesquisadores chegaram a comparar a situação a um “dilúvio” e expressaram a vontade de poder contar com a sorte para que a situação melhore.

O governador Eduardo Campos já adiantou que as equipes da Defesa Civil e de áreas estratégicas já estão de prontidão para evitar que mais transtornos afetem a população.

O prefeito João da Costa disse que a administração municipal se preparou para o inverno, mas reconheceu que a situação fica ainda mais complicada quando as precipitações são intensas, como vem acontecendo. “Temos 400 mil pessoas em áreas de morro e três mil pontos de risco, além de problemas de drenagem”, admitiu.

O prefeito do Recife ressaltou que estão sendo investidos R$ 43 milhões na Operação Inverno e que toda a equipe das áreas emergenciais estão em alerta máximo. Até mesmo férias de funcionários da Codecir que estavam programadas foram suspensas para ajudar no atendimento à população. Também foram preparados abrigos para as pessoas que tiverem suas moradias atingidas pelas chuvas. Ao todo são 1 mil pessoas em estado de alerta.

A primeira parte da reunião está sendo a portas fechadas. Ao final, o governador deve fazer um pronunciamento oficial.

Mais informações em instantes.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: